Sunday, 26 July 2009

[Untitled]

fazes meu coração doce
me fazes tola diante do mundo
tornas meu sorriso fácil
me mostras a razão no absurdo
exterminas o resto das pessoas ao redor
nem os pássaros cantam, tudo é a tua voz
calma em noites de tempestade
a mão na minha testa quando eu tremo de preocupação
ah tu
tão longe e tão perto,
deturpador do meu pensamento certo
provocador do meu inverso
instiga meu lado dark da lua
e findar de escrever é impossível
não sou mais de estrelas, e sim, tua.

2 comments:

Lorenzo Tozzi said...

não entendi: você tem um lugar seu no "lado dark da lua", ou sua "lua" tem um "lado dark"?

*:

Paulo Olmedo said...

"me mostras a razão no absurdo"
plágio detected ¬¬
ah, e tá uma bosta (tu já sabe :P)