Tuesday, 8 September 2009

eu tenho a mim no espelho
tenho a ti no travesseiro
é quando lanço o pensamento ao longe
a distância entre nós, sempre relativa
sempre ínfima, reduzida
às vezes meu olhar se cala
porque intimida-se demais com teu fitar ousado
é ruim me ver tão desprotegida
tão entregue ao caos
é difícil me enxergar no teu olhar
é difícil tremer e tentar continuar
com um medo que só quem sabe, sente

No comments: