Wednesday, 4 March 2009

Faço sim, a poesia que sinto vontade de fazer. Porém céu é apenas céu, flores são apenas seres frágeis e coloridos, o sol é apenas sol e a lua é apenas mais uma lua no Universo. O que a gente procura é sentimento. É aquele suspirar, é o próprio suspiro em pessoa, é aquele sorriso que evitas sorrir porque tens medo que os olhos daquele outro ser que te serve de tantas sensações assim sem saber, descubra que estás a (di) vagar pelo mundo sozinha, mas suscetível à mudanças no percurso...

E o mandas procurar respostas em outros livros, outros versos, aprecias o encanto que nele habita, a obscuridade do ser te fascina e não há como fugir disso.

No comments: