Friday, 26 September 2008

Mar verde

Como se não soubesse exatamente o que deveria procurar atrás da linha do horizonte, a garota dos olhos enigmáticos observava profundamente de onde vinham aquelas ondas que quebravam ali naquela areia fofa. Queria tanto enxergar o que estava por vir, lá da nascente das ondas, que franzira a testa várias vezes, como se precisasse fazer muita força pra enxergar algo que de fato, era muito difícil de se ver assim só porque se está com vontade de ver.
Com o passar das ondas, a água avançara uma boa parte e chegava encostando seus pés. A água estava gelada e provocou uma sensação ambígua, uma coisa boa e um arrepio ruim ao mesmo tempo.
E o mar era verde...o mar era verde e perigoso. O mar era verde, perigoso e era de outros olhos...outra menina sentava à frente desse mar para ver onde nasciam as ondas. Mas por que ela sentiria-se culpada de olhar pra esse mar se ele é tão grande, denso e tão belo!
Seguiu observando e tentando decifrar a origem daquelas ondas brancas, que espumavam um perfume que jamais conseguira dizer exatamente qual era. Talvez fosse o cheiro do sabonete branco...não sabia ao certo. Sabia da temperatura gelada da água, sim, ela sabia e acima de tudo, sabia que esse mar era perigoso, pouco faltava para afogar-se e conhecer o estranho mundo de sonhos e fantasias escondido na imensidão verde.
Certo tempo depois, desistira completamente do mar. Ou o mar desistira dela?
Levantou-se calmamente, deu um último suspiro, e voltou às pedras da cidade...que é onde encontra-se na sua própria profunda e seca escuridão.

10 comments:

Clara said...
This comment has been removed by the author.
Freak said...

Wow Clara! Você realmente leu o blog, essa postagem é super antiga!!!

O que acontece com o mar? Ele fica ali...servindo de instrumento de contemplação apenas! Obrigada pela visita! =)

Clara said...
This comment has been removed by the author.
Freak said...

Seja bem vinda então! =)

Clara said...
This comment has been removed by the author.
Freak said...

É uma situação complicada... mas note que a menina dos olhos enigmáticos apenas observa, é o que lhe é permitido. Se a outra menina permanece lá é porque somente ela pode mergulhar nos mistérios do mar verde! hehehe Complexo isso, não?

Clara said...
This comment has been removed by the author.
Freak said...

Hm, eu nunca tinha entendido por esse ângulo... do mar tocar nos pés da menina. Tu vê só! Por isso que é interessante ter contato com os leitores dos textos, sempre trazem novas perspectivas!

A realidade é que quando o assunto é o coração, tudo é muito relativo.

Clara said...
This comment has been removed by the author.
Freak said...

Sim, pode me adicionar. Taí o link:

http://www.orkut.com.br/Main#Profile.aspx?uid=3206719131067566806

E sobre o mar: esse já foi faz tempo! hehehe =)